Anotações oníricas [Viagens ao dormir]

Sonho recorrente

Posted on: quarta-feira, 24 março, 2010

Essa noite tive um sonho quase pesadelo que já tive. Fico angustiada com ele, porque fica parecendo, para mim, que as pessoas que amo muito estão angustiadas em outra dimensão.
O sonho foi com a tal porta da cozinha da casa do Turu, onde moravam meus avós paternos. Já sonhei que vovó insistia em deixar a porta aberta, mesmo à noite, deixando a noite entrar cozinha adentro. Ela já estava morta, sabia disso, eu também tinha essa consciência e, claro, não tinha medo dela. Mas pedia que ela entrasse e me deixasse fechar a porta. Ela não deixava. E dizia que ela cuidaria da casa. Na época em que tive esse sonho soube por minha irmã mais velha que haviam roubado essa porta e que a casa, vazia e ainda não vendida, estava sendo saqueada. Chorei muito ao saber.
Noite passada tive o mesmo sonho, mas desta vez quem insistia para manter a porta escancarada era Dadá. Dadázinha, que sempre sentava no seu banquinho bem ali do lado da porta. Pois agora foi ela que não deixou por nada eu fechar. Abriu quantas vezes foi necessário e não me deixou nem argumentar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: